• 4020-8811
  • [email protected]
  • Atendimento: Segunda a sexta, das 9h às 20h, Sábado, das 9h às 14h
4020-8811
X
LIGUE GRÁTIS
MARQUE SUA CONSULTA
Segunda a sexta, das 9h às 20h
Sábado, das 9h às 14h

Cuidados com a saúde salva vidas! Veja as dicas:  

Segundo o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), a expectativa de vida dos homens brasileiros é de 72,2 anos e a das mulheres é de 79,4 anos. E ainda segundo a pesquisa, a negligência com a própria saúde é um dos motivos desta diferença.  

Pensando na saúde masculina, trazemos luz à importância de se ter cuidados com o organismo. 

Segundo Alfredo Canalini, diretor da Sociedade Brasileira de Urologia (SBU), “Não existe uma cultura de consultas periódicas preventivas, principalmente durante a juventude. Também existe a questão do medo de descobrir alguma doença. Ainda ouvimos muito aquele ditado “quem procura, acha” — diz. 

Ou seja, a cada três mortes de adultos que ocorrem, duas são de homens. Na busca por qualidade de vida as dicas são quase sempre as mesmas, mas ter consciência da importância de segui-las é o principal ensinamento: é importante se alimentar de forma saudável, realizar atividades físicas, evitar álcool, tabaco e sempre praticar sexo seguro.

À medida que o homem envelhece, o organismo se torna mais suscetível a doenças. A predisposição aos problemas de saúde masculina está relacionada à queda do metabolismo e dos níveis hormonais.

Doenças cardiovasculares podem ser evitadas com qualidade de vida 

A principal doença que acomete os homens brasileiros são as doenças  cardiovasculares A incidência da doença cardiovascular (DCV) é maior nos homens, especialmente em idades mais jovens, até aos 50 anos. Podemos agrupar uma série de doenças, como o infarto do miocárdio, a angina e o acidente vascular cerebral.

Podem estar ligadas a fatores genéticos, mas geralmente, as causas estão relacionadas à falta de cuidado com a saúde, ao consumo excessivo de alimentos industrializados, à falta de atividade física, ao fumo e ao alcoolismo. A melhor forma de evitar doenças é realizando uma mudança no estilo de vida. Buscando adquirir hábitos saudáveis. Também é fundamental realizar consultas regulares ao médico e seguir corretamente os tratamentos.  

A disfunção erétil pode ser um sinal de doenças crônicas em atividade ou problemas psicológicos

Outro motivo de atenção máxima ao que diz respeito à saúde sexual masculina é a Disfunção erétil: incapacidade de o homem manter uma ereção do pênis suficiente que possibilite uma atividade sexual satisfatória.  A disfunção tem origem em distúrbios físicos ou psicológicos e se agrava quando o homem não procura atendimento médico. Dentre as causas físicas podemos citar a má circulação de sangue (por diabetes ou pressão alta, por exemplo), a microcirculação peniana, os distúrbios do sistema nervoso ou a obesidade. Já as causas psicológicas estão relacionadas ao estresse, à depressão, à baixa autoestima, estresse, à ansiedade, entre outros fatores.

Portanto aos primeiros sintomas procure ajuda especializada! Procure manter seus exames preventivos em dia e busque a sua qualidade de vida!  

22 de novembro de 2019