• 4020-8811
  • [email protected]
  • Atendimento: Segunda a sexta, das 9h às 20h, Sábado, das 9h às 14h
4020-8811
X
LIGUE GRÁTIS
MARQUE SUA CONSULTA
Segunda a sexta, das 9h às 20h
Sábado, das 9h às 14h

Variar o cardápio com a maior quantidade de cores.

Já parou para pensar nas diferentes cores dos alimentos? E os benefícios que cada uma delas pode trazer para o organismo?

Cada cor de alimento traz consigo substâncias essenciais para a saúde, muitas contribuem na prevenção e no tratamento de diversos tipos de câncer. De acordo com nutricionistas, um prato ideal deve conter no mínimo três cores diferentes para fornecer todos os nutrientes necessários para uma dieta saudável e balanceada. Segundo relatório do Fundo Mundial para Pesquisa contra o Câncer (WCRF) e do Instituto Americano de Pesquisa em Câncer (AICR), a alimentação inadequada ocupa a segunda posição na lista das causas da doença que podem ser prevenidas, chegando a ser responsável por até 20% dos casos diagnosticados nos países em desenvolvimento, como o Brasil, e por aproximadamente 35% das mortes ocorridas após este diagnóstico.

Os seis grandes grupos de cores podem ajudar no tratamento do câncer, além de   colaborar nos tratamentos de diabetes, Alzheimer e Parkinson.

Brancos e amarelos – favorecem o metabolismo

Alimentos brancos e amarelos são ricos em cálcio, potássio e vitamina C e outras substâncias. Nesta categoria entram Leite, Cogumelo, Queijo, Arroz, Batata, Banana, Couve-flor e Maracujá.

O cálcio e o potássio contribuem para a formação e manutenção dos ossos, para a regulação dos batimentos cardíacos e para o funcionamento do sistema nervoso e dos músculos. Possuem efeito anti-inflamatório e antialérgico, propriedades antibióticas e ainda ajudam a prevenir doenças cardiovasculares e a reduzir o LDL colesterol.

As frutas mais ácidas e cítricas são fontes importantes de vitamina C, responsável por diversos benefícios, entre eles o aumento da imunidade a doenças. Os alimentos amarelos também possuem ácido málico e bromelina, que melhoram a digestão e combatem a prisão de ventre.

Vermelhos – reduzem os riscos de desenvolver câncer de próstata e de pulmão, diabetes, Alzheimer e Parkinson

Os alimentos de cor vermelha são ricos em licopeno, um antioxidante que protege o coração e previne alguns tipos de câncer, além de ajudar no combate ao envelhecimento precoce. A presença de antocianina estimula a circulação sanguínea enquanto que os carotenóides agem como precursores da vitamina A. Exemplos: Goiaba vermelha, melancia, cereja, framboesa, pimenta, acerola, morango, maçã, etc.

 Roxos – diminuem os riscos de ataques cardíacos

Alimentos com essa pigmentação normalmente são fontes de vitamina B1 e flavonoides. A vitamina B1 é aliada importante para o metabolismo da glucose e os famosos flavonoides contribuem para a manutenção das funções cerebrais, ajudam m no fluxo sanguíneo e atrasam o envelhecimento das células. São ainda ricos em ácido elágico e quercetina, que anulam consideravelmente os riscos de ataques no coração, retardam o envelhecimento e ajudam na neutralização das substâncias cancerígenas.

 Marrons – melhora a disposição mental

As fibras e vitaminas do complexo B e E , são principalmente encontradas nas nozes, aveia, castanhas e cereais integrais como arroz trigo e centeio. Eles controlam o colesterol, diabetes , ansiedade e depressão , regulam o intestino , previne o câncer e doenças cardiovasculares. Os alimentos marrons, também são fontes de zinco, magnésio e selênio .

 Verdes – ricos em micronutrientes 

Alimentos verdes são ricos em clorofila, substância antioxidante. Além disso, também possuem cálcio, fósforo e ferro, ajudando a fortalecer ossos e dentes, e a aumentar a produção de glóbulos vermelhos. Exemplos: brócolis, pimentão verde, vagem, couve, kiwi, ervilha, limão, espinafre, alface, salsa, etc.

Laranjas – ricos em antioxidantes e importantes no sistema imunológico

A coloração é conferida pelo betacaroteno, que é quem dá origem à vitamina A no organismo.

Seus benefícios são o bom funcionamento da visão, o vigor da pele, a força de cabelos e unhas e a prevenção de infecções.

A vitamina C também está presente , ela é benéficas ao sistema imunológico e ao sistema nervoso.

25 de julho de 2019